Pesquisar
Close this search box.
Pesquisar
Close this search box.

Processo de alteração regulamentar na Previc

Processo de alteração regulamentar na Previc

regulamento

Processo de alteração regulamentar na Previc

Está em andamento o processo de alteração regulamentar na Previc, cujo teor compreende:

DAS PRINCIPAIS ALTERAÇÕES:
1. Redução da carência de vínculo ao plano para requerimento de opção pelo Instituto do Benefício Proporcional Diferido – BPD, dos atuais 3 anos para 3 meses (artigo 20, inciso II);
2. Alteração do valor do instituto do Resgate para os participantes não fundadores, com alteração da tabela de valores para esse instituto (artigo 22, §2º);
3. Padronização da terminologia “Despesas Administrativas” em vez de “Taxa de Administração” (artigo23);
4. Exclusão da exigência de 60 meses de contribuição ao plano para elegibilidade à Renda Mensal Vitalícia Diferida decorrente da opção pelo instituto do Benefício Proporcional Diferido (artigo 35, inciso III, exclusão da alínea “b” da redação atual);
5. Renumeração de dispositivos (artigo 35, inciso III, alíneas “b” e “c”);
6. Proporcionar o recebimento de auxílio doença pelo FusanPrev àqueles que estão aposentados pelo INSS mas continuam com vínculo empregatício com a Sanepar. Para esta opção, a perícia médica será determinada pela Entidade (artigo 48, caput e §2º);
7. Vinculação do procedimento contábil a uma Nota Técnica do Cálculo da Rentabilidade do Plano, apropriada em contas específicas e que será aprovado pelo Conselho Deliberativo a referida nota técnica, bem como previsão da possibilidade de mais de uma rentabilidade no plano (artigos 63 e 67); e
8. Possibilidade de segregação de direitos e obrigações entre submassas, mediante futura aprovação do Conselho Deliberativo (artigo 83).

A Fusan, na presente etapa, está promovendo quatro pequenos ajustes técnicos-legais solicitados pela Previc na Nota Técnica nº 354/2021/PREVIC que:
1- Ajusta o resgate para permitir que demitidos por justa causa acessem o saldo das contribuições da patrocinadora;
2- Evidencia a regra universal do sistema em manter as mesmas carências de uma aposentadoria normal para uma aposentadoria por BPD;
3- Ajusta o regulamento com relação a vinculação do procedimento contábil a uma Nota Técnica do Cálculo da Rentabilidade do Plano, apropriada em contas específicas e que será aprovado pelo Conselho Deliberativo.

Os referidos ajustes não alteram o teor da proposta, mas fortalecem o entendimento legal. O processo encontra-se junto a Sanepar, Patrocinadora do FusanPrev para conhecimento e aprovação
Se houver alguma dúvida, entre em contato com a Fusan: atuarial@fusan.com.br

Últimas notícias

Quer aprender a cuidar do seu dinheiro de forma simples e leve?

A Abrapp-Associação Brasileira de Entidades Fechadas de Previdência Complementar acaba de lançar site exclusivo sobre...

Conheça os Candidatos aos Conselhos das Fundações Sanepar

Já estão disponíveis no site das Fundações as informações dos candidatos aos conselhos. Além de...