Qual a diferença entre sal e sódio? Descubra os benefícios e cuidados com cada um!

Qual a diferença entre sal e sódio? Descubra os benefícios e cuidados com cada um!

salt-3285023_1920

Qual a diferença entre sal e sódio? Descubra os benefícios e cuidados com cada um!

Muitas pessoas não sabem a diferença entre sal e sódio, por isso acreditam se tratar de um mesmo ingrediente. Isso acontece pelo nome dado ao sal de cozinha ou cloreto de sódio. Na verdade, o sódio é um mineral importante para o organismo, presente na transmissão de impulso nervoso e contração muscular – e é apenas um dos componentes do sal. Patrícia Cruz, nutricionista comportamental, explica que indivíduos com queda de sódio (hiponatremia) apresentam sinais como fraqueza, apatia, náusea e vômitos.

O sódio também é necessário para a estabilização da pressão arterial, pois faz parte do equilíbrio hidroeletrolítico, impulso nervoso e contração muscular. “O consumo excessivo pode levar a hipertensão arterial em qualquer fase da vida. Se consumido na quantidade ideal, só irá trazer benefícios, sem prejuízos”, destaca a nutricionista.

No caso do sal, uma das suas principais funções é dar sabor aos alimentos. Sem contar com o fato de que colabora para o bom funcionamento do corpo, regulando a quantidade de líquidos das nossas células. Apesar dos benefícios, o consumo em excesso provoca alterações nesses líquidos, levando o organismo a reter mais água. Consequentemente, o coração e os rins ficam sobrecarregados, causa principal da hipertensão.

Saiba os alimentos que contêm sal e sódio

Alguns exemplos de alimentos que são ricos em sódio: caldos de carnes industrializados, macarrão instantâneo, salgadinhos industrializados, queijos amarelos e embutidos (mortadela, salame, pastrami)

QUANTO CONSUMIR?

Segundo a recomendação da Organização Mundial da Saúde o ideal é 5 mg de cloreto de sódio (sal de cozinha) que representa 2 g de sódio. Tal quantidade de sal e sódio vale para a população total, inclusive para idosos.
“No entanto, os brasileiros consomem, em média, 12 g por dia”, afirma a nutricionista.

Reduza o consumo de enlatados , prefira alimentos frescos, como legumes, verduras e frutas

A nutricionista indica temperos, como alecrim, hortelã, orégano, manjericão ou manjerona para ressaltar o sabor dos alimentos

Substitua o sal comum pelo sal light, por conter menos sódio

Evite alimentos defumados e embutidos, pois possuem grande quantidade de sódio

Evite comer frituras, empanados e milanesas

Faça caldos de carne, frango e peixe em casa e congele em pequenas porções para consumir depois

(Fonte: Sport Life Brasil)

Comente,

QUE VOCÊ TENHA UMA ÓTIMA QUINTA-FEIRA! /*–*/

Últimas notícias

Reajuste do Plano SaneSaúde fica abaixo da Inflação

Com vistas a permitir a manutenção do equilíbrio atuarial e financeiro, a Fundação informa que...

Fusan comemora 40 anos com novo site

A Fusan está comemorando bodas de esmeralda. São 40 anos prezando pelo propósito, que é...