Dicas para melhorar o seu orçamento doméstico

Dicas para melhorar o seu orçamento doméstico

dicas orçamento doméstico

Dicas para melhorar o seu orçamento doméstico

Engana-se quem pensa que manter o orçamento doméstico em dia é uma tarefa fácil de ser feita. Afinal de contas, mesmo que se trate de uma residência, ainda é preciso controlar a entrada e saída de dinheiro, os investimentos, as despesas fixas e as sazonais, entre uma série de outros fatores.

Ou seja, o orçamento doméstico também exige muito empenho e responsabilidade, pois é ele o grande responsável por manter a saúde financeira da família sempre em dia. Pensando nisso, reunimos no post de hoje algumas dicas que com certeza irão ajudar a manter o seu controle financeiro pessoal em dia. Confira!

Estipule um teto para gastos semanais e mensais

Grande parte da deficiência dos orçamentos domésticos vem da falta de limites para os gastos. Para evitar que isso aconteça, estabeleça um teto para gastos semanais e mensais. Para fazer isso, separe os gastos por categorias (lazer, alimentação, habitação etc). A partir disso, estipule qual o limite de gastos para cada uma delas.

Com isso, no final do mês você poderá ter um panorama completo dos gastos de todas as áreas, analisar qual tem gasto mais, e aparar as arestas que ainda houver em seu orçamento.

Não sair para fazer compras sem uma lista

Muitas pessoas acabam cometendo o grande erro de sair para fazer compras sem levar consigo uma lista com todos os itens necessários discriminados. Esse é um grande problema para o orçamento financeiro doméstico. Afinal, quando você não sabe ao certo o que precisa comprar, acaba levando para casa muito mais que o necessário e gastando mais que o previsto também.

Portanto, sempre que precisar fazer compras, leve com você uma lista com tudo o que precisa comprar. Se possível, descreva também as unidades necessárias de cada coisa. Chegando ao mercado, tente fazer o exercício de levar apenas o que estiver na lista. Você notará que, aos poucos, isso se tornará um hábito e que você irá economizar muito também.

Anote todos os gastos

Para ter ciência de todo o dinheiro que entra e sai do seu orçamento doméstico, é fundamental que você anote todos os seus gastos. Tudo o que foi pago, tudo o que ainda precisa ser pago, bem como todas as entradas de dinheiro. Um caderninho já é o primeiro passo, mas se você é adepto da tecnologia, existem aplicativos e sistemas de controle financeiro específicos para isso.

Toda a família unida em prol de um mesmo objetivo

Para que o seu orçamento doméstico possa, de fato, funcionar e surtir bons efeitos, é preciso que toda a sua família esteja comprometida a fazê-lo dar certo. Afinal, se apenas parte da família passar a poupar e a outra continuar a gastar de forma desregrada, os resultados serão praticamente nulos.

Por isso, una toda a sua família em prol de um mesmo objetivo. Você pode, por exemplo, estabelecer a meta de uma viagem no final do ano. Mas para que a meta seja batida, é preciso que certa quantia de dinheiro seja poupada. E, para poupar, é necessário que todos economizem e ajudem no que puderem. Seja diminuindo o tempo no banho, desligando as luzes que ficam acesas desnecessariamente, ou em qualquer outro sentido.

(Fonte: Finanças Forever)

Comente,

até breve…muito breve! /*–*/

Últimas notícias

Joaçaba adere ao Viva Mais Multi Prefeituras

Agora foi a vez de Joaçaba assinar o Convênio de Adesão ao Viva Mais Multi...

Assinatura eletrônica nas contratações de Empréstimos também no APP Fundações Sanepar

Em julho deste ano implantamos a assinatura eletrônica nos contratos de empréstimos efetivados via autoatendimento,...